Lugar_RSI

AvatarLugar do Real, do Simbólico e do Imaginário
Aqui não se fala dos conceitos de Lacan e a palavra lugar deve ser pensada em sua definição matemática

A cachorrinha Nabunda

Uma das marcas da infância é a inocência. Um antigo colega de escritório me contava que sua filha de 6 anos chegou da escola e ria às gargalhadas ao lhe contar a piada da formiga e do elefante, perguntando: "Não é engraçado, papai"?
Ria mais ainda com a fala final do elefante: "Obrigada coisa nenhuma, dona Formiguinha, vai arriando as calcinhas"!

Com nove, dez anos os moleques gostavam de "pegar" os coleguinhas com a história do barqueiro cuja embarcação virava no meio do rio com ele e sua cachorrinha chamada Nabunda. Era colocada a questão moral: salvar o animal ou deixá-lo entregue à sua própria sorte? Eu sempre soube que cachorro sabe nadar.

Frequentemente somos chamados a tomar decisões que envolvem amizade ou nosso trabalho e é sabido que nesses casos há um relaxamento nos critérios morais. Para os amigos tudo, para os inimigos a lei.
E ontem uma amiga da família, candidata a vereador, veio colocar um outdoor aqui em casa. Como se sabe, este ano elegeremos prefeitos e vereadores. Eu já sei em quem vou votar e, principalmente, em quem não posso confiar. E a moça é do partido do candidato menos confiável que existe. Ela me disse: "Não, não há nada contra ele. Ele foi julgado inocente".
Não, ele não foi julgado inocente, apenas foi "aliviado" pelos seus pares, numa ação corporativista, a mesma que permitiu que se livrasse da prisão o deputado estadual Álvaro Lins (PMDB-RJ). Quem chega a dizer que é inocente por mim já está condenado.
Mas é o seguinte, o candidato gasta fortunas para se candidatar a um cargo de prefeito cujos proventos nunca darão o devido retorno. Estará esse candidato investindo a fundo perdido? Será que algum dia ele precisará dizer que é inocente? Não há meio termo, é assim que eu penso.
Ela me disse ainda: - "Não consegui com ninguém o apoio que ele me deu"!
Verdade. Como diz um anúncio na rádio, "ele está com muito, fulano está com muito"... Ela está certíssima, nenhum reparo a fazer. E além de tudo é minha amiga.

Li ontem, acabei perdendo o link, que segundo apuração do TSE, 56% dos eleitores têm apenas o ensino fundamental. Como se achassem pouco, os nobres parlamentares instituíram o voto do analfabeto e o voto dos maiores de 15 anos. Que entende um moleque de 16 anos sobre cidadania? Que entende um analfabeto sobre cidadania?
Ainda há pouco um amigo me dizia que neste país deveria haver uma revolução de baixo para cima com derramamento de sangue desses desgraçados corruptos e saqueadores. Iria prevalecer a ditadura do proletariado, como me dizia uma namorada no início dos anos 60.
Eu conheci o avô de um desses candidatos a prefeito de minha cidade, um empedernido comunista. Para ele a solução também era uma revolução com muito derramamento de sangue. Seu neto, "felizmente", quer apenas derramamento de dinheiro, que, afinal de contas, não deixa de ser o sangue, o suor daqueles seus pretensos eleitores.

Vocês reparem que eu sempre digo: ouvi falar, ele me disse, li a respeito, nunca afirmo nada.
E você, à propósito de se tomar uma decisão responsável, você deixava ou trazia a cachorrinha? Cuidado com os comentários!
E o Firefox está já há algum tempinho me pedindo para atualizar para a versão 3.0.1. Pois não, Firefox, agora estou ao seu inteiro dispor.

3 comments:

17 de julho de 2008 21:29 Adao Braga disse...

Nos dias de hoje, quem quer levar a cachorrinha? Eu mesmo não!

17 de julho de 2008 22:40 Moura disse...

É amigo, como você disse, eu também sempre soube que cachorro sabe nadar, logo ele que se vire!
E é isso aí temos que estar sempre atualizado, eu também atualizei meu Firefox 3.0 para 3.0.1.
Saúde e sucesso!
Abraços,
Moura

18 de julho de 2008 14:09 mara* disse...

a cidadania pressupõe igualdade. é melhor um analfabeto honesto do que um letrado corrupto. sua amiga deu um belo chute nabunda da cidadania. na questão moral: sua amiga continua mostrando que os racionais são o maior perigo, são daninhos até a si próprios. salvaria nabunda com o maior prazer.

beijão

Postar um comentário

Qualquer mensagem não relacionada à postagem deverá ser colocada no Quadro de Recados e, de preferência, não contendo SPAM.
Anônimo, faça a gentileza de deixar seu nome ao final do comentário