Lugar_RSI

AvatarLugar do Real, do Simbólico e do Imaginário
Aqui não se fala dos conceitos de Lacan e a palavra lugar deve ser pensada em sua definição matemática

Pau que dá em Chico dá em Francisco

Os ministros Tarso Genro (Justiça) e Paulo Vanucchi (Secretaria Especial de Direitos Humanos), defenderam nesta quinta-feira a punição aos torturadores do período militar. Para ambos, as discussões devem ser realizadas sob as óticas jurídica e política. Tarso e Vanucchi classificaram os crimes cometidos na época da ditadura como comuns, uma vez que envolveram torturas, estupros e demais tipos de violência física e psicológica.

Evidentemente que eles acham que o pau só deve dar no Chico. Os supostos torturados evidentemente que não eram anjos barrocos nem freiras de convento. Por que para estes o único desideratum é que recebam indenizações milionárias abstraíndo-se algumas maldades que tenham cometido? Querem desenterrar fantasmas? Os "torturados" também produziram muitos fantasmas, estes sim, inocentes.

Essa gente está ganhando da sociedade brasileira de goleada, agora querem tripudiar? Não, senhor Francisco, bote sua cara na janela, venha receber seu quinhão de paulada.

6 comments:

31 de julho de 2008 22:36 adao braga disse...

A anistia deveria ter acabado com tudo isto, entretanto, quase nada funciona por aqui, nem mesmo anistia!

1 de agosto de 2008 11:59 Moura disse...

Muito bom, amigo Luiz.
Parabéns! estes canalhas só defendem a si próprios, mas como disse "senhor Francisco, bote sua cara na janela, venha receber seu quinhão de paulada" gostei, espero que esta tenha doido neles também.
Saúde e sucesso! amigo.
Abraço,
Moura

1 de agosto de 2008 12:49 mara* disse...

pau nos torturadores sempre, cambada de covardes e sádicos! a limpeza que está sendo feita na argentina deveria servir de lição.

1 de agosto de 2008 16:49 Lerdo em Surtar disse...

Faz todo o sentido...!
Imaginemos o Chico apanhando no lombo, enquanto o Francisco fica "dentro da lei" copiando as práticas do galinheiro e levando-as para o interior do seu chiqueiro (que ele há de dizer que é "um francisqueiro" somente porque mudam as moscas)...!

1 de agosto de 2008 22:02 Ricardo Rayol disse...

peraí, anistiar e recompensar quem foi para o pau de arara pode, pagar aquele sque tiveram o prazer de enfiar o pau de arara não pode? meio injusto... e onde ficam as relações trabalhistas?

1 de agosto de 2008 23:59 New disse...

Essa é uma mancha que deveria ter sido limpa de qualquer maneira. Porém, nem sempre interessa prá alguém. Foi e é um absurdo!
Bjs.

Postar um comentário

Qualquer mensagem não relacionada à postagem deverá ser colocada no Quadro de Recados e, de preferência, não contendo SPAM.
Anônimo, faça a gentileza de deixar seu nome ao final do comentário