Lugar_RSI

AvatarLugar do Real, do Simbólico e do Imaginário
Aqui não se fala dos conceitos de Lacan e a palavra lugar deve ser pensada em sua definição matemática

Receitas culinárias para um homem solteiro

Não, não se anime se entrou no blog em busca de um manual de sobrevivência. Também, não me odeie por causa disso nem bata a porta ao sair, demonstrando irritação.
Esta é apenas uma narrativa da série histórias dos amigos dos meus amigos. Muitas das vezes é mesmo o amigo quem está envolvido nas peripécias, mas como nem sempre o conteúdo é edificante e meritório eu saio pela tangente remetendo para mais longe. Hoje, no entanto, não há suscetibilidades que possam ser arranhadas, a história é leve. Quem conhece a pessoa verá aqui o seu retrato fiel, é quanto posso adiantar.
Ele morava em um apartamento onde, no térreo, havia um restaurante muito conhecido e todas as noites descia para comprar sua "quentinha". Um amigo comum o aconselhou a fazer alguma economia e a gerenciar, ele mesmo, a sua alimentação.
- Mas eu não sei cozinhar, dizia o solteirão.
- Puxa, um macarrão, que coisa difícil de fazer. Ferve a água, bota uma pitadinha de sal, adiciona a massa e dali a 7 ou 8 minutos já está pronto, faltando só acrescentar um molho.
- ...
- Um bife, tão difícil... Bota-se o óleo na frigideira para esquentar e em seguida o bife, acrescentando sal.
- ...
- Um ovo, mais complicado ainda...
E explicava como se fazia um ovo frito, um ovo cozido. Antes já havia falado da compra de um pequeno fogão, das panelas, pratos, talheres, etc.
Chegou a vez do arroz.
- Difíiicil! Amasse alho com sal, refogue com óleo até dourar, coloque o arroz já lavado e cubra com água na proporção do dobro da quantidade de arroz. Tape a panela; quando secar, se não estiver cozido, mais água.
- ...
- E cafezinho? Ferve-se a água, coloca-se o pó no coador, despeja-se a água e espera filtrar. E é só colocar o açúcar. Difícil, não?
O solteirão abriu um largo sorriso, pegou uma folha de papel em branco, sacou uma caneta do bolso e falou:
- Taí, gostei dessa última receita. Repete aí que eu quero anotar...

4 comments:

29 de junho de 2008 15:40 Lerdo em Surtar disse...

Sendo que eu já notei que este post é sutilmente sobre política. Anotem aí.
.................
1) O item do macarrão - fala de ferver, pôr de molho... e os 7 ou 8 minutos significam a Dilma esperando o PT querer a criatura candidata à sucessão do Lula.
.................
2) O item do bife – é para lembrar a Dilma mal passada de convenção em convenção.
.................
3) O item do ovo – é para descrever a reação de petista entojado, reagindo com a frase:
- “Dilma...? Um ovo, pra ela candidata...!!!”
E o fogão é o aumentativo de “fogo”, só para desejar ver a figura ardendo nas chamas, com as panelas e os pratos sendo pra indicar que ela fica melhor do lado daquele churrasqueiro do Lula.
.................
4) O item do arroz – é para olhar a mistura, e não ele próprio – notem:
- alho COM sal, refogar (pra lembrar “afogar”), dourar (pra lembrar “durar afogando”), tudo com o dobro da água (pra ela não tomar pé), tapar a panela (vai vaporizar) e, finalmente, conferir se a criatura já tá “seca-sem-gordura”... mas caprichar na água.
.................
5) E o cafezinho... esse é só para lembrar a República, que foi de onde eu tirei a dica para a decodificação aqui.
..................
Também...! Se não fosse um post sobre política, eu ia achar que o cara da historinha é muito ruim de sobreviver sozinho!

29 de junho de 2008 20:40 Ricardo Rayol disse...

ehehehehehe isso é um belo manual de sobrevivência.

30 de junho de 2008 13:14 Luiz Lailo disse...

Na realidade o post não é sobre política apesar de os raciocínios paralelos serem perfeitamente aceitáveis.
Aliás esse moço, que nem um cafezinho sabe fazer, tem posições políticos muito equivocadas. Ele e alguns dos seus colegas. Eu me ocuparei disso brevemente.

Eu na cozinha sou um fracasso. Para essas dicas pedi assessoria à patroa. O macarrão, as instruções estão na própria embalagem. Mas no cafezinho eu sou fera. Eu que faço aqui em casa, hehehe.

27 de agosto de 2008 16:46 Anônimo disse...

Caro Luiz, vc já leu as receitas do blog mulherefutebol.com?
Acho que vai gostar, pq nao manda essa aí pra lá? abç
João Nobre

Postar um comentário

Qualquer mensagem não relacionada à postagem deverá ser colocada no Quadro de Recados e, de preferência, não contendo SPAM.
Anônimo, faça a gentileza de deixar seu nome ao final do comentário