Lugar_RSI

AvatarLugar do Real, do Simbólico e do Imaginário
Aqui não se fala dos conceitos de Lacan e a palavra lugar deve ser pensada em sua definição matemática

Obras EmPACadas

No penúltimo dia de 2007 escrevi "O PAC e o nome da rosa". O PAC, na verdade, é apenas uma peça de marketing; serve apenas a um projeto de poder. E está sendo desenvolvido, ao contrário do que muitos pensam, seguindo um elaborado organograma.

Haroldo Barboza é matemático, analista de sistemas aposentado e poeta. Além de contos e poemas, gosta de escrever sobre política, esporte, temas infantis e sobre qualidade de vida. Mas não é chegado a futurologia. O assunto abordado no presente artigo é apenas o óbvio ululante, como diria o tricolor Nelson Rodrigues, nem tão óbvio assim, infelizmente, para as ovelhinhas do rebanho petista.

Haroldo P. Barboza
Segundo a coordenação do CGPAC, diversas obras previstas para terminar agora no segundo trimestre de 2009 envolvendo represas, ferrovias e outras do mesmo porte, estão paralisadas aguardando licenças ambientais, decisões judiciais e desentraves burocráticos. Desta forma, obras que acumulam gastos de quase R$ 60 BI ficarão mais caras devido a estes obstáculos.

Quem imagina que o governo tem grande interesse em dar andamento às tais obras com rapidez, pode tirar seu cavalo da chuva. Na verdade existe um planejamento para que os entraves (programados?) sejam retirados gradativamente de tal forma que as "suntuosas" obras sejam terminadas entre agosto e setembro de 2010 para servirem de pano de fundo da campanha presidencial que se aproxima.

Além do mais, o encarecimento atende às ricas empreiteiras que formarão os fundos destinados a patrocinar a campanha que pretende solidificar o modelo de gestão que cada vez mais empobrece nosso povo.

Mas a população imbecilizada não precisa ficar preocupada. Sua dose de anestesia para contaminar neurônios está garantida. No período de campanha eleitoral, não será preciso raciocinar sobre a baixa qualidade dos candidatos oferecidos. Nesta época, o Big Bosta Brasil deverá estar exibindo sua 12ª. versão.

9 comments:

25 de fevereiro de 2009 15:06 Lerdo em Surtar disse...

O governo Lulavendilmista tem grandes inter Éssis visando à PAC-cificação permanente dos votos, conforme já denunciado fartamente - e ecoado aqui.
.........
Muito botox vai rolar, estica daqui-estica dali. Bucho cheio, vai-se obrando o PAC aqui e acolá.
.........
Quem descobriu o Brasil, ordenando ao Cabral que preparasse o Vaz-Caminha para o Nunca-na-História? Quem nasceu primeiro: o ovo ou o Colombo?
.........
E o Lula, o que é?
- "É big, é big, é brother!"
.........

E dá-lhe cartilha!

27 de fevereiro de 2009 02:31 Adao Braga disse...

Nós sabemos. Mas, aqui em Irecê, 5453 x 2 (pai e mãe) famílias, com média de 2 filhos cada uma irão acreditar. E na sua cidade quantas são? Clique no link e procure.

https://www.beneficiossociais.caixa.gov.br/consulta/beneficio/04.01.00-00_00.asp

3 de março de 2009 21:31 Anônimo disse...

Sr. Luis, obra de marketing?
Baseado em que vc diz isso?
E sim, o pac segue um organo grama, isso é ruim?

Sr. Haroldo Barboza, realmente tens um curriculo invejável.
Mas infelismente, vejo que o Sr. se baseia simplesmente em opinião pessoal de repudio ao presidente Lula e seu partido, o PT.
Acredito que discuções como estas devem ser feitas sem esse tipo de entrave.
Estive lendo os balaços do PAC dos últimos dois anos, e pelo que vi, o Sr. não está preocupado com a evolução do PAC e sim em deturpar dados e acontecimentos.Quando se faz críticas tão duras como as do Sr., é no mínimo intereçante que se divulgue as fontes de tais informações.
As obras do PAC estão seguindo um rítmo que eu considero aceitável, levando em consideração a grandeza deste projeto, que vai desde obras de urbanização e saneamento básico até como o Sr. disse ferrovias, represas, portos e etc.
Lamento ver que pessoas como o senhor digam que o governo empobrece a população, com certeza o Sr. nunca precisou de nenhuma das medidas do governo Lula para poder comer ou sobreviver.
Inclusive as obras do PAC, que o senhor critica, e o amigo Luis classifica como jogada de marketing, faz com que os empregos se multipliquem nessas áreas de atuação, onde a população pobre se encontra.

Fica aqui então a minha opinião, respeito a visão de cada um, mas se for criticar ou denunciar como foi feito neste post, que se apresnte dados concretos e fontes.

Para quem intereçar, aqui tem o endereço dos balanços do PAC.


http://www.brasil.gov.br/pac/balancos/balanco2anos/


Mario Silva

3 de março de 2009 23:28 Luiz Lailo disse...

Sr. Mario Silva,
Numa coisa o senhor está certíssimo - não preciso do governo Lula e de governo nenhum para comer ou sobreviver.
E prefiro ficar com as palavras do senador Jarbas Vasconcelos que disse que o PAC é o maior programa de compra de votos do mundo.
O governo do Lula está cercado por escândalos e por corrupção e ele não sabe de nada, não vê nada. Enquanto isso o caso do mensalão vai se arrastando. Chega de aloprados neste país.

4 de março de 2009 01:18 Anônimo disse...

Jarbas Vasconcelos.....
Leu na Veja?

Mario Silva

4 de março de 2009 07:52 Luiz Lailo disse...

A entrevista foi dada à Veja mas repercutiu em toda a imprensa. Essa história mal cheirosa não é exclusividade da Veja. Ontem mesmo eu assistia na TV Senado a mais um desdobramento da denúncia do senador Jarbas Vasconcelos e via o sorriso cínico do Renan, o senador das vaquinhas de ouro que proporcionou o escândalo da Mônica Veloso. Renan, Sarney, Romero Jucá, Jader Barbalho, é essa gente que "colabora" com o Lula. Não pode dar certo.
Ou o amigo também faz a apologia da corrupção, essa corrupção que é praticada com tanta naturalidade pelos políticos da base de sustentação do governo?

4 de março de 2009 21:55 Anônimo disse...

Não, meu camarada,Não faço apologia a corrupção.
Só acho que este cidadão que o senhor clama tanto pelo nome, este senador jarbas vasconcelos, é apenas farinha do mesmo saco.Do mesmo saco deste Sarney, deste Renan, deste Romero....
A corrupção existe, todos sabemos, mas está na hora de dar nome aos bois e apontar fatos, chega de palavras ao vento, camarada.
E como o Sr. mesmo disse, chega de aloprados neste país.
Cito aqui, palavras do jornalista Luis Nassif.Muito sério por sinal.

"Na entrevista ele(Jarbas) acusa seu partido, o PMDB, de abrigar corruptos e lutar por cargos. Faltou explicar onde está a novidade.

No governo FHC, esse mesmo PMDB, tendo como pontas-de-lança o Ministro dos Transportes Eliseu Padilha e Gedel Vieira Lima, uma seleção enriquecida por Gilberto Miranda e outros notáveis, negociou cargos, benesses e massacrou Itamar Franco na convenção do partido. E os episódios ocorreram nos tempos em que Jarbas era dos grandes nomes do partido. É o mesmo PMDB de agora, com os mesmos personagens de antes."

Acredito que como cidadãos de bem, estamos todos muito cansados desta palhaçada que é e sempre foi a nossa política, o nosso governo, nossa tão querida democracia.
Não é hora de brigar por ideologia, por lados, é hora de brigar por claresa, por transparência.

4 de março de 2009 21:58 Anônimo disse...

E mais uma coisa, no que o Sr. se refere ao "maior programa de compra de votos do mundo" dito pelo exelentíssimo Senador JV, ele se refere ao bolsa família e não ao pac.
Eu prefiro concordar com o presidente LUla que diz, "quem tem fome tem pressa".

Mario Silva

5 de março de 2009 13:44 Luiz Lailo disse...

Bem, chegamos ao ponto, o senhor reconhece a qualidade do currículo do Sarney, Renan, Romero Jucá e outros apaniguados do Lula. Nenhuma simpatia tenho pelo Jarbas, como não tinha pelo Roberto Jeferson, que denunciou o mensalão, um dos poucos (apenas três) que pagaram por esse pecado.É como diz o outro: há quanto tempo o Jarbas Vasconcelos está no PMDB e só agora é que ele descobre que o partido é corrupto? Segundo ele, não sai porque não tem para onde ir...
Me equivoquei no lance do PAC e do bolsa-família. Para mim tudo serve a uma causa eleitoreira. Essas engenharias não são coisas de políticos, muito menos do Lula, mas sim de experimentados marqueteiros. Escrevi um artigo a respeito: O nome da rosa...
Mas pequenos equívocos são admissíveis. Até no vernáculo cometemos pequenas falhas, não é mesmo? Não vou cobrá-lo por isso, embora meu velho ranço de professor às vezes me compila a tal.
Não consegui convencê-lo de nada nem o senhor a mim. Eu tenho tido sucessivas derrotas. Fui contra Sarney, Collor, FHC e Lula. Tentei convencer as pessoas a não votar neles. Muitos, porém não aprendem nem com o sofrimento.
O Lula tem comportamentos ridículos. Um de seus últimos apelidos é "marolinha". "Nunca antes neste país" um presidente ocupou a mídia para falar tanta abobrinha.

Um dos meus próximos posts será a Melô do Bolsa-família, frevo de sucesso no carnaval de 2009 em Recife. A música foi censurada pelo prefeito da cidade, que é dos quadros do... PT!

Estou colocando nos artigos sobre o Lula e os companheiros - vê?, companheiro virou uma palavra pejorativa -. as tags lula e companheiros, que aparecerão na nuvem de tags, denominada ASSUNTO/HUMOR.

Bom é entrar no blog dos Amigos do Presidente Lula. Lá se fala do país das maravilhas da Alice e não há pecado do lado de baixo do equador.

Jamais gostei do Lula. Ele não me tem decepcionado.

Postar um comentário

Qualquer mensagem não relacionada à postagem deverá ser colocada no Quadro de Recados e, de preferência, não contendo SPAM.
Anônimo, faça a gentileza de deixar seu nome ao final do comentário