Lugar_RSI

AvatarLugar do Real, do Simbólico e do Imaginário
Aqui não se fala dos conceitos de Lacan e a palavra lugar deve ser pensada em sua definição matemática

Pelado, pelado, nu com a mão no bolso

Que legal nós dois
Pelados aqui
Que nem me conheceram
O dia que eu nasci

Foto e matéria da Folha Online

Não, não é a música do Ultraje a Rigor. 2500 pelados de 33 países invadem povoado da Paraíba para o 31o Congresso Internacional de Naturismo. O congresso começou ontem e acaba sábado, na praia de Tambaba, município de Conde.

Na pista de acesso a Tambaba, há três barreiras, vigiadas por policiais militares e seguranças. Cem PMs tentam prevenir crimes e afastar curiosos. Grupos de vigilância florestal patrulham as matas próximas para evitar a entrada de invasores. Na última barreira, uma guia usando só chinelos e boné identifica as pessoas e convida quem ainda não está nu a tirar a roupa ali - a reportagem foi autorizada a permanecer vestida.

O movimento é intenso no local. Ninguém desvia o olhar para ver quem passou (aquela manjada virada de cabeça). Fotos ou filmagens só se autorizadas e gracejos são tratados como insulto coletivo.

Eu que não vou lá. Vento a boroeste no buzanfã, nem pensar. Se vocês quiserem participar, corram que ainda dá tempo.

A propósito dessa estranha palavra buzanfã, sua etimologia, segundo o Houaiss, é beaux-enfants "filhos que um cônjuge teve anteriormente ao casamento atual".
Sim, mas o que tem o buzanfã a ver com as calças?

9 comments:

10 de setembro de 2008 14:29 Adao Braga disse...

Me fez lembra a piada do velho nalgum lugar semelhante.

10 de setembro de 2008 18:41 Lerdo em Surtar disse...

Quando o fundador do Nudismo - Mr. Fenk Tenn - ouviu o primeiro relato de abdução realizada por extraterrestres e de suas implantações de chips em exemplares de seres humanos capturados na Terra, gerou uma tendência a gestos heróicos como esse dos adeptos que povoam as praias privativas para a prática. Comprar roupas compulsivamente é algo que se faz com qualquer cartão de crédito. Ficar desguarnecido em público assim... não tem preço. Mas uma roupinha faz muito bem a quem não é tão corajoso (como nós medrosos aqui).

10 de setembro de 2008 22:17 Capreta disse...

Ei, acredita que estava vindo aqui todos os dias em que você atualizava, mas me deparava com aquele negocio de blogagem coletiva e achava que era um post! Sempre achava que você não avia atualizado! Desculpa a ausência!

Beijos! :D

12 de setembro de 2008 03:07 Tatiana Carlotti disse...

Boa pergunta sobre beaux enfants... Quanto ao naturismo, que baita inveja desse povo... Mas também não tenho coragem. Mudando um pouco o foco, vocês se lembram daquele fotógrafo que levou um bando de pelados ao Ibirapuera? Até hoje penso que perdi a chance da minha vida de caminhar no parque in natura, sem que ninguém me chamasse de maluca. Um dia perco esses pudores... beijao, Tati

12 de setembro de 2008 05:25 New disse...

Oiêee!
Achei a enquente dificílima... rsrsrs...
Beijos e boa sexta.

12 de setembro de 2008 14:44 Rick Sardella disse...

Votei no Maluf (na enquete rsrsrsrsrsr)!!! Excelente blog!! Já linkei!!

12 de setembro de 2008 21:52 looking4good disse...

E os PM's também estão pelados? ah ah ah
Um bom fim de semana

14 de setembro de 2008 09:43 Belcrivelli disse...

Não só não tenho coragem de andar nua por aí, como ficaria sem graça de ver os outros nus (acho que sou o cúmulo da vergonha). Provavelmente eu andaria olhando para o chão, para o mar ou para o céu...
Mas aposto que esse tipo de evento é o paraíso dos voyeurs!

14 de setembro de 2008 11:47 Luiz Lailo disse...

Aliás, há uma piada clássica sobre o assunto. O marido queria apostar com a esposa que ele seria capaz de sair peladão no quintal. Ela respondeu:
- Não faça isso. Vão pensar que eu casei pelo seu dinheiro!

Postar um comentário

Qualquer mensagem não relacionada à postagem deverá ser colocada no Quadro de Recados e, de preferência, não contendo SPAM.
Anônimo, faça a gentileza de deixar seu nome ao final do comentário