Lugar_RSI

AvatarLugar do Real, do Simbólico e do Imaginário
Aqui não se fala dos conceitos de Lacan e a palavra lugar deve ser pensada em sua definição matemática

A culpa é dos "pessimista"

Este texto segue no estado. Começa pelo título. Sabe quando você compra um objeto usado e o vendedor anuncia, no estado? Vem cheio de amassados, com a pintura arranhada, às vezes nem funciona. Neste texto está faltando "ésses", há discordância de gênero, número e gráu. Não vou consertar nada. Quem refresca cú de pato é lagoa. É um discurso do excelentíssimo senhor Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, falando no Encontro do Setor de Petróleo e Gás Natural.

"Esse país hoje tá sólido e é preciso vocês acreditarem que não vai ter crise energética, que as indústria podem crescer, porque o que não falta, na verdade, é gente pra botar defeito. O que não falta, na verdade, é gente pra dizer: não vai dar certo.
Se acontecer um probleminha de gás no Rio de Janeiro, ah, acabou a energia no mundo! Não acabou. Esse país já tem energia garantido até 2012.
E o mês que vem tem o leilão do Rio Madeira. Em janeiro ou fevereiro vai ter outro leilão.
E nós vamos descobrir os gás que precisamos descobrir ou vamos comprar o gás que precisa comprar.
Não há espaço neste país pra descrença. Muitas vezes o empresário tem um problema na sua empresa. Por favor, não diga que o problema é da indústria brasileira, diga que é da sua. Porque também muita gente dando palpite no gerenciamento do governo e nós não damos palpite no gerenciamento de ninguém e certamente o governo vai muito bem e certamente o Brasil vai muito bem.
E o Brasil não estaria nesta situação se não fosse bem gerenciado".

Depois foi a vez do ministro de Minas e Energia, Nelson Hubner; ele disse nesta quarta-feira que não aconselha novas conversões de carros para o uso de GNV (Gás Natural Veicular). Hubner afirmou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu para que seja garantido o gás para quem já fez a adaptação, mas ressaltou que o governo estuda políticas para desestimular a expansão do uso de gás em veículos.
"O que não dá é para a gente abandonar estas pessoas que de boa fé fizeram todo este investimento, elas vão continuar tendo gás, até porque as distribuidoras têm um contrato com a Petrobras. As distribuidoras têm que compatibilizar o que está contratado com o que estão vendendo", afirmou.

Como esse governo gerencia bem. Nunca antes neste país. Tudo discurso vagabundo.

5 comments:

7 de novembro de 2007 22:23 Ricardo Rayol disse...

aplaudo de pé meu amigo, chutou bem onde dói, e haja discordancia, por que o que o Lula fala não tem concordancia nenhuma.

8 de novembro de 2007 06:41 Luiz Lailo disse...

É evidente que vai haver problemas para as oficinas de conversão para o GNV. Segunda Lula cada um é responsável pelos problemas de sua empresa. Nada de botar a culpa no governo, que é muito bem gerenciado.

8 de novembro de 2007 23:23 Tati Viana disse...

Bom... Vâmo ver no futuro...

Oi, estou eu aqui! Lembra de mim? Do BlogBlogs? Assim que eu descobrir como ser tua fã, eu retribuo :D.

9 de novembro de 2007 09:48 Mara* disse...

Como você é cruel!!!! Ele deixou de falar 'menas' e 'seje'? Se já, é algum progresso.

beijão e bom final de semana.

9 de novembro de 2007 11:51 Luiz Lailo disse...

Terminei este post e iniciei uma curiosidade: Como a imprensa apresentaria este discurso? Achei a matéria mas não reconheci o discurso. Parecia uma obra de Machado de Assis, para não dizer, do grande Rui Barbosa. Passaram um Photoshop na fala do homem. Photoshop melhora até mulher feia, quanto mais discurso vagabundo.
Não, tô fora! Não sou lagoa. Não refresco mesmo.

Postar um comentário

Qualquer mensagem não relacionada à postagem deverá ser colocada no Quadro de Recados e, de preferência, não contendo SPAM.
Anônimo, faça a gentileza de deixar seu nome ao final do comentário