Lugar_RSI

AvatarLugar do Real, do Simbólico e do Imaginário
Aqui não se fala dos conceitos de Lacan e a palavra lugar deve ser pensada em sua definição matemática

O que me aborrece na internet

É como dizia a antiga propaganda: Não fotografou? Dançou!
Mas quem não grava também dança. Já marquei videos do You Tube como favoritos e quando fui procurá-los tempos depois, recebi a mensagem: "Este video não está mais disponível". Recentemente descobri um "maravilhoso" blog com músicas para download abrangendo diversos gêneros hospedado no Blogger. Nem cheguei a baixar nada; quando tentei, o blog já não existia. A dona apagou tudo.
Repassei para a minha lista de email um site de um fotógrafo, coisa de profissional. Havia, inclusive, uma foto 360o. Não demorou muito um amigo "reclamou" comigo que o site não funcionava mais.
- Também dancei, amigo. E talvez alguma coisa até se pudesse salvar. Não a geringonça de 360o porque aí já implicava em "flash" ou outras tecnologias não muito acessíveis ao comum dos mortais.

Hoje andei lendo posts antigos dos meus desativados blogs Seu Lalo e Represália à procura de uma história que achava já ter escrito. Não a achei. Vou escrevê-la em outra ocasião porque achei no Seu Lalo o Perdido na China que, indiretamente, me inspirou o título acima. Após fazer uma brincadeira com uma foto tirada na China indiquei o link Planet by bike, uma aventura indescritível de um ciclista atravessando alguns continentes.
E então pensei: será que dancei também nesse link? Felizmente não. Mas vão logo lá antes que seja tarde.

1 comments:

21 de outubro de 2007 17:53 Baby disse...

Olá, nossa já passei tanto por essas situações, ficamos fã de um blog ou de um site, depois, sabe-se lá por que motivo a pessoa o desativa e perdemos coisas maravilhosas. Parabéns pelo blog ele é mais um q encontrei q faz a diferença
Beijos no coração

Postar um comentário

Qualquer mensagem não relacionada à postagem deverá ser colocada no Quadro de Recados e, de preferência, não contendo SPAM.
Anônimo, faça a gentileza de deixar seu nome ao final do comentário